_instagram _facebook

_blog do sangion

Vale a pena treinar como um animal?

Treinar como um animal. Isso é bom ou ruim? Depende do entendimento dessa frase. Se você se esforça, procurando atingir sempre o seu rendimento máximo, sem perder o foco na execução correta dos exercícios e a segurança da empreitada, não há dúvidas de que está fazendo a coisa certa. Suar a camisa, sair da zona de conforto, é algo benéfico para quem busca o melhor resultado, como pregam, há tempos, os estudos sobre esforço e rendimento nos treinamentos. Cansei de escrever a respeito. Isso é treinar bem, mesmo que o período de atividade física seja curto. Agora, se você não tem domínio sobre o treino e faz tudo de qualquer jeito, exagerando na intensidade, inclusive nas cargas, no caso da musculação, colocando em risco a execução do movimento, você está fazendo a coisa errada. Por mais suor e esforço que entregue. Isso também é treinar como um animal, só que sem qualquer racionalidade. E o resultado, claro, pode ser desastroso. O corpo vai sentir o desgaste de forma negativa, abrindo caminho para contusões, a eficácia e qualidade do movimento caem e não se chega a lugar algum. Sim, você treinou como um animal, mas não conseguirá o resultado positivo que tanto deseja. Pegou a diferença? Treino bom é aquele que exige esforço e esse é entregue dentro dos limites do bom senso para que seu corpo, ainda que cansado, agradeça. Simples assim.

© 2019 Les Cinq Gym | Todos os direitos reservados. | Desenvolvido por MD START

WhatsApp Fale conosco